Desde 1953 • Cafés SuperEspeciais

Saiba como fazer café expresso!

“Vai um cafezinho, aí?” é uma expressão ligada ao convite para uma xícara de expresso, que pode ser a motivação para o início do dia. O shot de energia, aliás, tem na cremosidade na boca um dos principais atrativos, mas você sabe como fazer café expresso?

Entre muitos apaixonados por café, em referência aos mestres italianos, a forma mais usada é aquela que mantém o adjetivo com a escrita de origem. Inclusive, para essas pessoas, existe uma busca pela xícara perfeita. Por isso, há muitas complexidades no preparo e dúvidas de como fazer café expresso na máquina.

O café na máquina de expresso

No caso da máquina de café expresso profissional, que é encontrada em cafeterias, o processo é realizado com a força da pressão, de um jeito bem espremido. Foi a partir daí que surgiu o nome do método, bem como da ideia de um café pronto em poucos minutos.

Segundo Jean Carlo Dos Reis Junior, 23 anos, barista e torrador de cafés especiais da Cafebras, o café expresso é preparado em uma máquina que pode ser de cápsula, automática ou profissional. O preparo consiste em moagem, compactação do pó e extração por pressão. Então, como se faz café expresso?

Primeiramente, é importante entender que se trata de um café muito concentrado. Portanto, utilizar grãos de qualidade é um princípio básico, assim como priorizar a moagem na hora ‒ caso não tenha moedor, utilize o liquidificador. Essa preparação da bebida potencializa as notas sensoriais do café especial.

Saiba como fazer café expresso na máquina

como fazer café expresso

Para começar, ligue a cafeteira um pouco antes de usar e opte pela água filtrada. Em seguida, coloque o café moído no porta-filtro e use o dedo para nivelar. Jean alerta que a máquina de expresso profissional não é tão simples de manusear, por isso a figura do barista se torna tão importante para a tal xícara perfeita.

Porém, para quem quiser arriscar, ele conta um pouco dos passos. “É necessário retirar o cachimbo [recipiente em que fica o café], colocar café moído no porta-filtro, compactar o pó do café, encaixar novamente o cachimbo na máquina e, assim, fazer a extração do expresso”, explica Jean.

Em relação à dúvida sobre como fazer café expresso decorado, tudo depende da sua aptidão de barista e da sua paciência. Caso tenha ambas, desenhar um coração com o creme do café é uma terapia deliciosa e vai deixar o seu cafezinho ainda mais especial.

Jean explica que, no mercado, existem muitas opções de máquinas, mas também é possível fazer a bebida em casa. O processo de como fazer café expresso caseiro é simples. Para tomar essa iguaria em casa, você precisa, primeiramente, de uma máquina de extração de cápsulas.

O café expresso de casa

“O café em cápsula também é um expresso. A diferença entre a máquina caseira e a profissional é que o café já vem moído e compactado dentro de um filtro (cápsula). Assim, o processo se torna mais simples e rápido para o dia a dia”, explica Jean.

As cápsulas da Coffee ++ materializam muito disso que Jean falou, já que elas são compatíveis com as máquinas de café Nespresso® e trazem notas sensoriais bem marcadas. A pressão rende cremosidade natural, com a cor da espuma caramelo, e preserva as notas sensoriais do café.

Inclusive, quando perguntado sobre o melhor que já tomou, Jean é rápido na resposta sobre como fazer café expresso: “O café Geisha da Coffee ++, usando o padrão de extração ‘ristretto’, ou seja, extraindo apenas 15 ml de café.”

As variações de como fazer café expresso

O ristretto é o famoso “curtinho” e, para Jean, a versão predileta, já que é mais concentrada, encorpada e intensa. Segundo ele, ela preenche mais o paladar e entrega muitas experiências.

O expresso sempre segue o mesmo processo, o que muda é a proporção de pó e água. “A diferença fica com moagem e compactação, que refletem no sabor final do café. Porém, existem variações da bebida, as mais comuns são os padrões italianos: o espresso (30 ml de café) e o ristretto (15 ml de café)”, explica.

Cremosidade no expresso

Quando pergunto como fazer café expresso cremoso, Jean explica que o grande segredo é a cremosidade: “a cremosidade do expresso é definida pela torra, pela regulação da moagem e principalmente pela pressão que a água exerce sobre o pó para extrair o café”.

Dessa forma, quando você quiser saber como fazer espuma no café expresso, pense na moagem e não se esqueça de escolher um café de verdade para o preparo.

Antes de tudo, é importante priorizar o café em grãos. Como há menor liberação de gás carbônico, a experiência sensorial é mais potente. Porém, se você não tem moedor, não tem problema: use o liquidificador e tenha o seu café moído na hora.