Desde 1953 • Cafés SuperEspeciais
imagem de grãos de café

Pontuação de café: entenda o que é essa classificação

Seja no café da manhã, seja no da tarde ou durante o dia, tomar um cafezinho é sempre bom, não é mesmo? Melhor ainda é quando você pode unir doçura, acidez e harmonia na bebida escolhendo a pontuação de café correta.

Os cafés especiais que recebem essa pontuação específica passam por uma criteriosa avaliação de qualidade. Ela identifica diversos aspectos que tornam o sabor deles incrivelmente agradável.

Para você identificar a pontuação dessas bebidas e escolher aquela que vai proporcionar uma experiência única logo no primeiro gole, logo abaixo a Coffee ++ separou informações sobre esse processo que segue padrões internacionais. Confira no conteúdo a seguir!

Conheça mais sobre a SCA

Antes de falar um pouco mais sobre esses protocolos que determinam a categoria do café, é importante entender o que é a SCA (Specialty Coffee Association). A Associação de Cafés Especiais foi fundada em 1982, com o objetivo de promover debates e estabelecer padrões para avaliação de cafés especiais.

No mundo todo, muitas empresas buscam a aprovação dessa associação, que usa uma metodologia própria para classificar o café de forma objetiva. Para receber a avaliação adequada, todo o processo de fabricação do café, como ponto de torra, temperatura para degustação e água usada, é padronizado.

Protocolo SCA

Para ser considerado especial nos critérios da SCA, é necessário que o café receba uma nota entre 80 e 100 pontos. Apesar disso, na Coffee ++, trabalhamos apenas com cafés a partir de 84 pontos. Até porque essa é a linha em que o mercado internacional trabalha para revelar a potência dos cafés.

A análise da SCA avalia principalmente os seguintes aspectos:

  • fragrância e aroma: avalia-se o cheiro do café moído quando está seco e depois de entrar em contato com a água quente;
  • sabor: o aspecto mais observado na análise sensorial, considerando intensidade, qualidade e complexidade;
  • finalização: sabe aquele sabor que fica depois de você beber seu cafezinho? O júri especializado segue as regras da SCA e pondera o sabor e a duração do gostinho do café na boca;
  • acidez: esse aspecto contribui para a doçura e a sensação de frescor da fruta, geralmente é sentido no primeiro gole;
  • corpo: a forma do líquido na boca pode ser tanto mais intensa quanto mais leve e apresenta pontuações específicas em cada percepção;
  • equilíbrio: essa parte avalia como todos os aspectos se completam ou se diferenciam um do outro;
  • doçura: ela surge a partir de alguns carboidratos presentes na fruta, proporcionando um sabor equilibrado e suave.

Além desses critérios do protocolo SCA citados acima, a associação avalia a ausência de defeitos no café, a uniformidade, o resultado global e os defeitos que interferem e prejudicam a qualidade da bebida.

Símbolo de qualidade

Quer saber como identificar os cafés com pontuação do SCA? Os cafés que seguem o critério de avaliação da SCA têm o número da sua pontuação impressa na embalagem. Com esse símbolo de qualidade, fica mais fácil para você identificar a pontuação do café e selecionar o tipo que mais atenda a seu gosto.

Conheça alguns tipos de cafés especiais

imagem de grãos de café ao lado de uma xícara de café espresso

Então, o que é café especial? Os chamados cafés especiais são aqueles que passam pelo processo de classificação da metodologia SCA (Specialty Coffee Association) que determina a qualidade do produto com base na moagem, no frescor da torra, em todos os aspectos e notas sensoriais ao serem consumidos.

Sabia que, na Coffee ++, você encontra tipos de cafés que seguem esse critério de produção que torna o sabor acentuado e inconfundível? A seguir, você confere alguns exemplos típicos de terras brasileiras que oferecem uma delicadeza única.

Catuaí

Catuaí é uma das variedades preferidas no país, porque, diferentemente do café tradicional, oferece leveza e doçura incomparáveis ao paladar. Por conta disso, o tipo está presente em pouco mais de 40% das lavouras nacionais.

É uma mistura de sabores 100% brasileira que reúne o melhor da mistura dos frutos amarelos e vermelhos! Esse tipo de café é produzido em regiões específicas do Brasil, tudo para garantir o sabor mais acentuado.

Bourbon

Outro café cultivado no Brasil é o Bourbon, que oferece aroma e fragrância inconfundíveis. É possível encontrar o café tanto na cor vermelha, que é mais adaptável, quanto amarela, que apresenta uma presença maior no paladar.

A variedade chama atenção pelo sabor intenso, que combina um equilíbrio de sabores. Isso só é possível porque o tipo mais plantado no Brasil, o amarelo, possui um alto teor de sacarose, o que proporciona uma doçura natural à bebida.

Coffee ++: encontre cafés com 84 pontos

Não deixe de conferir os cafés especiais da Coffee ++ com grãos 100% arábica. Todos receberam mais de 84 pontos na avaliação da SCA, o que significa que você encontra ainda mais aroma, sabor e notas acentuadas ao degustá-los.

Quer participar do nosso clube de #cafequizados e ter vantagens exclusivas? Fazendo parte do Clube Coffee ++, você tem desconto comprando a partir de um determinado valor e ainda pode ganhar frete grátis para qualquer região do Brasil.