Desde 1953 • Cafés SuperEspeciais
latte art

Saiba o que é e como fazer latte art

Você já deve ter esbarrado ou até ouvido falar sobre latte art, certo? Ela consiste em desenhos artísticos feitos em cima do café. Sabe quando você vai tomar o seu cafezinho ou o seu cappuccino em uma cafeteira, e a bebida apresenta pequenas obras de arte sobre ela? É disso que estamos falando!

Essa técnica virou tendência entre os baristas de todo o mundo. Nós, da Coffee ++, queremos te apresentar um pouco mais sobre ela e até te ensinar o passo a passo de como fazer latte art em casa. Bom demais da conta, né? Mas chega de conversa fiada e vamos ao que interessa.

Como a latte art surgiu?

Também conhecido como “coffee art” em alguns locais, o desenho no café não tem uma origem propriamente dita. O que sabemos é que, no século XIX, os baristas italianos costumavam decorar o café expresso com o intuito de chamar a atenção e cativar os clientes.

Porém, nos anos 80, isso se popularizou com David Schommer, que trouxe as técnicas para as Américas. Com o passar dos anos, a arte no café começou a ganhar competições, chamando a atenção e conquistando o público por agregar mais valor à bebida, além de, claro, mostrar cuidado e paixão ao café.

Existem dois métodos para fazer café latte art. O primeiro deles, conhecido como “free pour”, que nada mais é do que desenhar somente quando o leite estiver vaporizado. Já o segundo, o “grafismo”, utiliza ferramentas durante o processo, como palitos ou canetas de aço.

Aprenda como fazer latte art

latte art

É hora de aprender como fazer latte art no conforto da sua casa! Mas, antes, será preciso separar alguns materiais para que o resultado final saia conforme o desejado. Vamos lá?

  • Pitcher;
  • Xícara para latte art (tamanho grande);
  • Máquina de café com haste de vaporização;
  • Café especial;
  • Leite integral.

Você deve estar se perguntando: por que usar leite integral, em vez do tradicional? Isso se deve ao fato dele possuir um alto teor de gordura e proteína, o que auxilia no processo de fazer um creme mais estável, deixando sua latte art do jeitinho que você está esperando.

Prepare o expresso

O latte art é uma variação do cappuccino. Por isso, primeiro, precisamos preparar o café expresso. Escolha um café especial de qualidade. Que tal apostar nos produtos da Coffee ++? Escolha a moagem ideal, coloque o filtro na cafeteira e deixe a xícara preparada. Só será preciso de ⅓ de bebida.

Creme o leite

Encha o pitcher com a bebida gelada. Ligue o vaporizador, mas somente quando o leite estiver ocupando a região do bico. Fique atento para não criar bolhas, pois quanto menos tiver, melhor a sua latte art ficará. Caso contrário, após o término do preparo, deixe-o descansar por um tempo até que sumam.

A bebida deve girar de forma uniforme. O vaporizador deve ser mergulhado e levantado até ouvir alguns assobios. Só desligue quando você começar a sentir que o recipiente está ficando quente. Quando estiver pronto, quer dizer que o momento de fazer a latte art chegou.

Despeje o leite

Quando for despejar o leite, deixe-o mais distante possível da xícara. Quanto mais longe estiver, melhor o seu desenho ficará. Faça essa etapa em movimentos circulares, deixando o café subir para executar a arte com mais facilidade.

Ângulo da xícara

Para fazer uma latte art perfeita, o recomendado é que a xícara esteja um pouco inclinada. O fluxo da saída de leite merece uma atenção a mais, por isso, aumente-o, criando formas distintas entre a espuma e o próprio corpo do leite.

Sugestões de desenhos

Geralmente, a latte art para iniciantes trabalha desenhos mais simples, como corações, por exemplo. Conforme a habilidade for avançando, folhas, flores e até animais são ótimas sugestões de artes para deixar o seu café ainda mais atraente.

Os cafés especiais da Coffee ++

Para realizar uma latte art de sucesso, é preciso investir em cafés de qualidade. Pensando nisso, a Coffee ++ disponibiliza produtos especiais, feitos por quem nasceu debaixo do pé de café, e que, hoje, são avaliados acima de 84 pontos na SCA (Associação de Cafés Especiais).

Todos são 100% arábica. O que isso quer dizer? Que eles possuem mais sabor e doçura sem a adição de qualquer aditivo na composição, proporcionando uma experiência completa e inesquecível. Além disso, estão disponíveis em quatro formatos diferentes: grãos, moído, cápsula e drip coffee.

Aqui, você encontra o saborzinho clássico da casa, assim como os cafés produzidos pelos produtores Ricardo Tavares (Chapada de Minas), Luiz Paulo (Mantiqueira de Minas) e Gabriel Nunes (Cerrado Mineiro). Também há o Geisha, a bebida oficial da família imperial japonesa. Chique demais, não é?